UMBAÚBA

UMBAÚBA

UMBAÚBA
(Cecropia peltata, Cecropia palmata).
 
 
FAMÍLIA: Moráceas.
 
OUTROS NOMES: Imbaíba, ambaíba, árvore-de-preguiça, baibeira, torém.

DESCRIÇÃO: Árvore de tronco reto, oco, esgalhado à semelhança do mamoeiro. Folhas longipecioladas, duras, ásperas, esbranquiçadas por baixo. Pecíolos lisos, cilíndricos. Fruto oval, pequeno (meio cm), de cor roxo-escura, algo semelhante à uva.
 
USO MEDICINAL: Atua beneficamente nos seguintes casos: afecções das vias respiratórias, bronquite, tosse, coqueluche, anúria, enfraquecimento da energia de contração do músculo cardíaco. Para estes fins usa-se o suco da raiz, diluído, na proporção de uma colher das de sopa em uma xícara com água. Toma-se um gole de hora em hora.
Pode-se também preparar um chá, empregando 20 gramas de raiz para 1 litro de água. Tomam-se duas a três xícaras por dia.
O extrato fluido das folhas frescas, usado na mesma proporção que o suco da aiz, também atua como poderoso diurético.
Diz o Dr. L. Beille:
“As folhas tenras são preconizadas contra a hidropisia e as cólicas hepáticas, sendo também um sucedâneo da digital.”
O suco dos renovos é um bom remédio contra as blenorragias e leucorréias. 
 
PARTE USADA: Raiz, folhas e brotos.

 


Programa Saúde Total

Levando informações aos ouvintes sobre saúde e qualidade de vida, valorizando os benefícios da natureza: ar puro, atividade física, água, luz solar, alimentação, repouso, abstinência e muito mais.