TRAPOERABA

TRAPOERABA

TRAPOERABA
(Tradescantia diuretica, Tradescantia commelina, Commelina communis).
 
 
FAMÍLIA: Comelináceas.
 
OUTROS NOMES: Tapoeraba-verdadeira (no sul), tracoeraba, trapoerava, trepoeiraba, olho-de-santa-luzia.
 
DESCRIÇÃO: Planta herbácea. Haste ramosas, cilíndricas, rasteriras ou erectas. Folhas alternas, ovais, acuminadas, finamente dentadas. Das extremidades das folhas partem ramificações que emitem longos pedúnculos carregando cada um 5 a 6 flores azuis.
 
USO MEDICINAL: Emprega-se, em banhos, contra as afecções herpéticas e dores reumáticas.
Em cataplasmas, é bom contra as hemorróidas.
O suco das folhas frescas, aplicado topicamente, acalma a comichão (prurido dos dartros).
Internamente, a decocção das folhas dá bom resultado contra as anginas, a hidropisia, a retenção espasmódica da urina, e o reumatismo.
A trapoeraba é muito benéfica para o baço e a bexiga; e seu poder de curar a ascite e a hidropisia merece ser salientado.

PARTE USADA: Folhas.
 
DOSE: Normal.

Programa Saúde Total

Levando informações aos ouvintes sobre saúde e qualidade de vida, valorizando os benefícios da natureza: ar puro, atividade física, água, luz solar, alimentação, repouso, abstinência e muito mais.