AGRIÃO-DO-PARÁ

AGRIÃO-DO-PARÁ

AGRIÃO-DO-PARÁ
(Spilanthes oleracea).
 
FAMÍLIA: Compostas.
 
OUTROS NOMES: Agrião-do-brasil, jambu-açu.
 
DESCRIÇÃO: Planta de haste ramosas, rasteiras. Folhas opostas, pecioladas, cordiformes, ovaladas, sinuadas, denteadas. Inflorescência em pequenos capítulos. Flores a princípio amareladas, depois pardacentas. Fruto: aquênios comprimidos, ciliados.
 
USO MEDICINAL: O agrião-do-pará é de sabor acre, picante. Provoca a salivação quando se mastiga.
As folhas comem-se cruas, em saladas. Como são muito picantes, podem misturar-se com outras ervas.
Podem também comer-se ensopadas.
Tem muitas aplicações na medicina doméstica.
O agrião-do-pará é considerado como bom sucedâneo do agrião comum(Sisymbrium nasturtium), podendo ser usado para os mesmos casos que este, porém, especialmente, no escorbuto, na anemia e na dispepsia.

O extrato das flores se emprega contra dor de dente. Com um palito, mergulha-se um pedacinho de algodão no líquido e põe-se na cárie do dente.  


Programa Saúde Total

Levando informações aos ouvintes sobre saúde e qualidade de vida, valorizando os benefícios da natureza: ar puro, atividade física, água, luz solar, alimentação, repouso, abstinência e muito mais.