O Zinco

O Zinco

 Funções Básicas

O zinco é necessário à síntese de proteínas e ao metabolismo de ácidos nucleicos, como o DNA. O zinco é constituinte de muitas enzimas. Cerca de 70 ou mais metalo-enzimas necessitam desse micronutriente para atuar.

 

Sinais e Sintomas de Carência

         A acrodermatite enteropática é um distúrbio que causa lesões cutâneas renitentes, má-absorção, crescimento deficiente e mau funcionamento do intestino. Crianças alimentadas ao seio estão protegidas contra essa doença. A carência de zinco foi associada à anemia ferropriva grave, à hepatoesplenomegalia, ao hipogonadismo, à geofagia.  

 

Necessidades Nutricionais

         As RDA estabelecem como adequada a ingestão de 15 mg/dia para adolescentes e adultos. Crianças devem ingerir 10 mg/dia.

 

Boas Fontes Alimentares

         Os cereais integrais, especialmente o pão integral e o pão de centeio, a aveia e o milho, os ovos, o leite e as leguminosas são exemplos de fontes alimentares de zincos pertencentes à linha lacto-ovo-vegetariano-naturista de dieta. Fontes de zinco não-recomendadas por esse sistema são os frutos do mar (mormente ostras), as carnes e o fígado. 


Programa Saúde Total

Levando informações aos ouvintes sobre saúde e qualidade de vida, valorizando os benefícios da natureza: ar puro, atividade física, água, luz solar, alimentação, repouso, abstinência e muito mais.